16º Congresso Português de Hipertensão e Risco Cardiovascular Global - 10 a 13 de Fevereiro 2022 - Congresso Hibrído
 
Serão cumpridas todas as normas de segurança em vigor, de acordo com as orientações da DGS
SUBMISSÃO DE RESUMOS
DATA LIMITE
29 DE DEZEMBRO DE 2021 - 23h59
0 16º Congresso, um lugar de emoções...

Há lugares que são especiais na nossa alma. Alguns levam-nos à casa da nossa avó. Outros a uma viagem que não esquecemos, outros ainda, a um tempo de convívio difícil de reproduzir noutros contextos –mas registado na nossa íntima memória. A alguns locais associamos aqueles que amamos, mas estes, algumas vezes, já estão distantes ou mesmo já fizeram a viagem para além das grandes águas do mar-oceano, para além da Tapobrana da nossa vida física…, mas, sabemos bem, que, em determinados lugares, estarão sempre connosco…

Assim é o Congresso Português de Hipertensão e Risco Cardiovascular, que está prestes a atingir a 16ª edição. Este evento, já famoso pela rica experiência científica em que, repetidamente, se constitui, está também programado para deixar memórias na nossa alma, que perdurarão para lá, muito para lá, do evento em si.

Trata-se de uma experiência para rever amigos, para sentir a ciência nacional e internacional revista e comentada. Trata-se – estou certo – de um lugar, onde a diferença entre especialidades, a diferença entre idades, a diferença de experiências tende a esbater-se numa conjunção rara no, já vasto, panorama português de encontros científicos. Neste retorno à normalidade, procurámos reproduzir um congresso "normal", eminentemente presencial. Mantemos, sinal dos tempos, a capacidade de assistir remotamente. Não porque se estima o agravamento da pandemia, mas, isso sim, para permitir o aumento da assistência naqueles que por motivos de força maior não poderão estar fisicamente presentes.

Cientificamente, nesta nova edição, nada será especialmente diferente, os temas são abrangentes e interessam a todos aqueles apaixonados por esta entidade pandémica, conhecida como Hipertensão Arterial. – Uma síndrome complexa, como muitos ângulos fisiopatológicos, clínicos e terapêuticos, ainda por desvendar. O Risco Cardiovascular geral não será esquecido, a dislipidemia, a diabetes mellitus, a obesidade, a fibrilhação auricular, o acidente vascular cerebral, o enfarte do miocárdio, tudo será contemplado, em cursos, palestras, conferências e outras formas participadas e atuais de informação.

Naturalmente, também se espera que muitos participem, apresentado o seu próprio trabalho de investigação. Este esforço será valorizado em comunicações orais livres e posters comentados – todos igualmente importantes.

A atitude correta de todos os congressistas, deve ser a de participação ativa. A experiência emocional – podemos garantir – - será muito mais intensa. Ninguém que quiser participar ativamente será deixado para trás, ninguém – palavra de militar da Marinha Portuguesa– será esquecido.

O 16º Congresso será um lugar de presenças, será um lugar de paixões, será lembrado – queremos acreditar - como um dos congressos mais participados para além da pandemia. Estará vivo, porque a vida é convívio. A vida é, também paixão e nós, a Sociedade Portuguesa de Hipertensão – no programa que se segue– tudo fizemos para encontrar fontes de interesse para todos e, simultaneamente, também, um lugar de emoções no coração de cada um.

Sejam – desde já – bem-vindos a esta vossa casa. Não se sustenham no hall de entrada. Penetrem nas salas a seguir, verão que o vosso tempo não será dado como perdido. Não será inútil...

Esperamos poder saudá-los em breve, com redobrada alegria, no Vosso 16º Congresso de Hipertensão e Risco Cardiovascular

Professor Luís Bronze
Presidente da Sociedade Portuguesa de Hipertensão